Acabar com o engarrafamento constante na Avenida Padre Guilherme Decaminada em Santa Cruz

por
Michelle Melo
Michelle Melo | Mar 18, 2015 | em Mobilidade Urbana

Bairro: Santa Cruz - Rio de Janeiro - RJ

Problema:
Atualmente, todos os motoristas são obrigados a ir para a Avenida Padre Guilherme Decaminada para chegar à Rua do Prado. O sinal de intercessão entre tal avenida citada e o final da Rua Joao XXIII demora muito, criando um engarrafamento extenso, o qual faz todos perderem quase 1 hora em um trecho de 5 minutos.

Solução:
Construir uma ligação entre a Rua João XXIII e a Rua Campeiro Mor (Próximo ao Beco do Eduardo). Dessa forma cria-se uma "via alternativa", desafogando a via principal, por onde passam os transportes urbanos, que é a Rua do Gado.
Deixando aos motoristas a opção em voltar para o novo viaduto ou não. Nesse último caso, seguindo por dentro do bairro pela Rua do Império / Rua Hermes da Silva / Rua do Matadouro e Largo do Bodegão, caminho que já é comumente usado por alguns motoristas para evitarem o trânsito do centro do bairro.

André Ribeiro Mar 18, 2015

parabéns pela ideia e iniciativa.

 Aqui outras propostas para Santa Cruz:

https://desafioagorario.crowdicity.com/catego...eas#/post/84496

https://desafioagorario.crowdicity.com/catego...eas#/post/86820

Silmo Prata Mar 19, 2015

Muito pertinente a sua proposta, mas eu iria além, pediria que no final da Av Brasil com a João XXIII fosse construído uma ligação próximo a Rua Osvaldo de Assis Leal, margeando o terreno da BASC, para que o escoamento do trânsito fosse feito lá por trás chegando até a Av. Prado Junior e a Rua Vala de Sangue.

Waldyr Lage Mar 21, 2015

O ideal seria a construção de um mergulhão, fazendo a retificação da Rua do Prado para diminuir os custos do mergulhão (para que ele possa ser feito em linha reta), eliminando o cruzamento. Para isso, deveria ser desapropriada e derrubada a edificação da antiga loja de pneus, e a reurbanização de duas pracinhas neste cruzamento. Uma pequena pista por fora, ao lado do mergulhão, serviria apenas para dar acesso a veículos de emergência e ambulâncias ao Hospital Pedro II.

Share