Desafio Ágora Rio

Categorias

Colocação de Energia Solar para Iluminação Pública

Postado por Ágora Rio (Admin) Nov 17, 2014 Postado em

Informações gerais:

Autor: marcel peres

Fase de discussão:

  • Avaliações positivas: 133
  • Avaliações negativas: 5

 

Fase de avaliação:

  • Avaliação de 1 estrela: 7
  • Avaliação de 2 estrela: 0
  • Avaliação de 3 estrela: 5
  • Avaliação de 4 estrela: 0
  • Avaliação de 5 estrela: 19
  • Média: 3,77

 

Descrição:

Instalação de postes de iluminação pública com placas de captação de energia solar, gerando economia e promovendo sustentabilidade. O ideal seria que a economia resultasse na extinção da taxa mensal (de iluminação pública).

Resposta das secretarias:

RioLuz: A Prefeitura do Rio atua desde 2011 com testes do sistema híbrido de iluminação, com dois tipos de alimentação: eólica e solar. Até o momento, o sistema está presente em duas áreas da cidade: no Mirante da Prainha e Parque dos Atletas, na Barra da Tijuca. Ao todo são quatro postes que funcionam com placas de captação de energia solar e eólica. A geração de energia elétrica através destas fontes é de extrema importância, pois se trata de uma fonte renovável e limpa. O projeto ainda está em fase de análise e certamente será um grande passo na direção do desenvolvimento sustentável. 

Essa publicação foi editada em nov 18, 2014 por Ágora Rio

Este post tem 3 assinantes

Comentários (7)

Sergio Galvão diz... Nov 17, 2014

"ONDE ESTAMOS E PARA ONDE VAMOS?"

É... “Marcel Peres”...  e lá naquela cidadezinha chamada riozinho, enquanto dormem os inocentes... provou-se que a tática de simplesmente negativar as demais propostas poderia ser melhorada, e com muito êxito! O Ágora Rio deve estar muito orgulhoso de vocês, afinal, trata-se da mesma “ética”.
Você tinha uma proposta com 63 comentários, sendo que, destes, 38 foram seus próprios comentários.  Ah! Precisamos ser justos, existia também um ilustre “contribuidor” , senão vejamos:

“Rioluz diz... 3 semanas atrás

  • Olá, Marcel. Muito obrigado pela sua ideia. Ela já começou a ser posta em prática!
  • A Prefeitura do Rio atua desde 2011 com testes do sistema híbrido de iluminação, com dois tipos de alimentação: eólica e solar. Até o momento, o sistema está presente em duas áreas da cidade: no Mirante da Prainha e Parque dos Atletas, na Barra da Tijuca. Ao todo são quatro postes que funcionam com placas de captação de energia solar e eólica. A geração de energia elétrica através destas fontes é de extrema importância, pois se trata de uma fonte renovável e limpa. O projeto ainda está em fase de análise e certamente será um grande passo na direção do desenvolvimento sustentável”.

Voltando à “ética das Ágoras”, enquanto os “ingênuos” defensores do “Preservar o Parque Ecológico de Marapendi Íntegro” (a exemplo de outros grupos) se mobilizaram para conseguir mais cerca de 10 votos de apoio no último dia, aumentando o que já era o maior número de apoiadores, e elevando a ideia à primeira posição; você deu uma aula de “estratégia” conseguindo através desse seríssimo sistema Ágora Rio, aos 45 minutos do segundo tempo...mudarem 3 votos de 1 estrela para 3 votos de 5 estrelas e depois travar o sistema assinando mais de 40 propostas consecutivamente, até que o Ágora Rio interrompesse a votação (segundo tela que copiei e guardei, faltando ainda 52 minutos para terminar o tempo estabelecido. Afinal de contas, fora um belo gol!).  Foi, sim, uma bela jogada, também, aquela de travar o sistema, já que se sabia que bastariam dois votos de 1 estrela na sua proposta e ela retornaria para a 15ª. ou 20ª. posição, onde estivera até alguns minutos antes das manobras de “gênio”!
Agora, ridículo mesmo, pessoal do Ágora Rio, seria considerar sério um sistema que consegue permitir que uma proposta com 18 votos “positivos” e menos de vinte “contribuidores” invalidem centenas de votos positivos, de quase mil contribuidores de outras propostas que foram ultrapassadas através desse tipo de manobra.
E o maior de todos os ingênuos era eu, que pensava que morava no Rio de Janeiro, uma cidade séria!

Comentário reportado  Aguardando revisão do moderador
Rodrigo Barboza diz... Nov 17, 2014

Não desmerecendo as propostas, mas foi rídiculo este último dia de  Ágora Rio, faltando apenas algumas minutos começou a pipocar avaliação de 1 ponto na minha proposta para que com isso diminuísse a minha média e não me clasificasse. Pensei que estáriamos em um grupo mais sério, porém creio que me enganei, porque simplismente eu não consigo acreditar que as pessoas tenha ficado até 23h da noite para começarem a avaliar o meu trabalho de um forma decente. Avaliação que poderiam fazer a dias atrás começaram a fazer aos montes faltando apenas algumas hora? Tarde da noite do último dia? De duas uma: Ou tem alguém ligado ao site coordenando os votos para seguirem o que eles querem ou tem alguns babacas no grupo querendo se promover através de infantilidade desmerecendo os trabalhos dos outros sem ter uma avaliação correta, somente para os trabalhos deles serem classificados.

Veja bem: Não estou afirmando que meu trabalho seja merecedor de estar entre os 25, mas não pode é faltando 4 horas para terminar o evento começarem a pipocar avaliação 1 no meu trabalho. Porque não fizeram antes? Porque não houve outra pontuação, como tinha nos outros dias. Melancólico isso.

Sergio Galvão diz... Nov 18, 2014

O nosso grupo "Preservação do Parque Ecológico de Marapendi Íntegro" já havia feito várias denúncias desse tipo de problema, Rodrigo, desde a fase anterior, quando o nosso grupo recebeu 80 votos negativos, sendo cerca de 50 apenas em uma noite. Por isto, também, a minha indignação expressa acima, visto que a prefeitura está entregando nossa área de restinga para a iniciativa privada obter lucro.

Sugiro que façamos coro nos meios de mensagem mais comum a todos os grupos, a fim de que o Ágora Rio, que tem tudo para ser realmente uma ferramenta de gestão excepcional, deixe de ser apenas mais uma forma de manipulação da população do Rio. Inclusive, já postamos ideias de se utilizar o CPF (para prevenir votos de fakes) , de limitar o número de propostas que cada participante possa avaliar, e de não permitir "negativação" de proposta de nenhuma das formas possíveis, ou seja, seriam pontuadas sempre positivamente aquelas ideias que agradassem os contribuidores.

Luiz Eduardo Kersten diz... Nov 18, 2014

Boa tarde.

Antes de mais nada desejo deixar claro que não sou eu o propositor ao Desafio da ideia "Cestos Ecologicos" como alguns pensam. E apesar de pessoalmente relutar muito, falarei sobre este assunto apenas esta vez por detestar polêmicas destrutivas.

A serem verdadeiras as afirmações aqui feitas sobre manipulação, conclui-se que a proposta dos "Cestos Ecológicos", que até bem tarde da noite liderava mais esta etapa do Desafio, terminaria esta fase também em primeiro lugar. Realmente recebemos mensagens informando a votação na proposta com uma estrela (rebaixando sua média), exatamente no minutos finais do encerramento da votação o que a fez cair para a terceira colocação.

No meu entender nada que retire sua brilhante posição da mais votada e mais comentada intrisecamente dentro do espírito do Desafio Agora.

Muito mais importante, é o histórico de doze anos de existência e de sucesso do projeto e da proposta de conservação e preservação ambiental que já falam por si.

Foi a ideia mais votada no concurso, esteve sempre como a mais comentada todo o tempo, e é a mais bem aceita em todo e qualquer critério do Desafio. Confirmada agora, até por ter sido usada como trampolim de votos.

Sua adoção se implementada, atuará como uma mudança no paradigma da limpeza pública, promovendo realmente uma grande evolução em matéria de política de preservação ambiental, com a conservação de uma das maiores Baias do Planeta que é a Baia de Guanabara. Consequentemente, toda a fauna e flora em todo o seu redor, ficará em plena condições de recuperação com a retirada diária de aproximadamente 4 toneladas de lixo sólido de seus afluentes e efluentes.

Apesar de muito discurso, e das propostas preservacionistas, no desenrolar do Desafio em si, só vi a Sra. Jamile (Autora da Ideia sobre Corais), comentar positivamente a proposta "Cestos Ecológicos" e a proposta "Crédito Verde", ambas que realmente receberam chuva de votos negativos e uma estrela para terem sua média diminuida e assim serem rebaixadas provocando a subida de outras.

Realmente apesar de entender a mecânica, prefiro a avaliação real e espontanea popular, do que forjar algo apenas para ganhar visibilidade.

Nada, nada mesmo desmerece ou diminui este grande projeto que é o Desafio Agora. Não cabe a ninguém aqui acusar o projeto, seus idealizadores e ou coordenadores, pelas mazelas de participantes vaidosos que não tem educação e não sabem exercer sua Cidadania em ambiente Democrático.

Estes não conseguem olhar no umbigo alheio, apenas enxergam o seu próprio. 

A despeito de tal fato manipulatório ser verdadeiro ou não, entendo que esta atitude fica realmente fica pequena perto da grandeza deste projeto "Desafio Agora", e de seu absoluto sucesso que já é um fato.

O resto é resto.

Finalizando este único comentário sobre este assunto, continuo a agradecer, e muito, a Equipe Organizadora e Coordenadora do Desafio Agora, e a todos os responsáveis pela sua criação, a todos os participantes, agradecer pela oportunidade democratica recebida de exercer minha Cidadania com liberdade, e parabenizo e agradeço mais uma vez ao Ilmo. Prefeito por sua coragem e por sua administração competente.

caetanoand diz... Nov 20, 2014

Complementar a essa ideia poderia ser usar as academias de rua para gerar energia a partir dos exercícios feitos pela população. Não sei, talvez fosse mais viável. Mas o uso da energia solar tb deve ser incentivado

Eliana Martins do Couto diz... Nov 20, 2014

Acho muito bom a proposta,junto a isso nao teria como colocar a fiacao subterranea?

Flávio Van Deursen diz... Dec 8, 2014

Prezados,

como criador deste projeto, fico a disposição para maiores esclarecimentos técnicos referente ao poste de iluminação autônomo hibrido (eólico e solar).

A grande vantagem do sistema é a desconexão da rede de energia, portanto evita-se grandes intervenções ao meio ambiente. Sua agilidade na instalação também é um dos pontos positivos, desde que haja uma base de espera pronta no local ele já poderá ser instalado e funcionando no mesmo dia.

Para maiores detalhes, poderã acessar o nosso site:www.greenluce.com.br

Atenciosamente

 

 

EFETUE O LOGIN ou CADASTRE-SE AGORA para participar da discussão
Share